Artista: Monique Moon

A primeira vez que vi as artes de Monique Moon fiquei completamente sem fôlego. Suas criaturas são terríveis e inquietantes e por estarem em preto e branco me remeteu a um passado, onde exploradores e pesquisadores faziam os registros de toda a fauna e a flora de uma terra nunca explorada.

Monique Moon - Artista - Canto do Gargula
Monique Moon – Artista

Imagine entretanto que estes mesmos exploradores encontrassem um mundo novo, um universo desconhecido, povoado por seres tão diferentes e magníficos, ao mesmo tempo estranhos e aterradores. Isso define bem minha paixão por essa gama de artes maravilhosas que Monique Moon cria.

Vejam um pouco mais de suas criações abaixo.

A cada nova descoberta que faço em seus trabalhos me pergunto porque alguma editora ou autor não se debruçou sobre cada uma delas e criou toda uma gama de histórias ou quem sabe, módulos únicos e exclusivos de RPG?

Em cada um deles existe uma aura de magia que mexem demais com meu lado criativo. Arte é isso – ser capaz de fazer sua mente trabalhar e sua alma vibrar com tal intensidade que você é projetado para os lugares mais recônditos de sua mente.

Monique Moon - Artista - Canto do Gargula
Veilwarden – Monique Moon – Artista

Após você ler o relato dela sobre sua arte, entenderá como eu entendi, o porque ela consegue mexer tanto com quem vê seu trabalho. Ela usa a alma para fazer cada uma de suas artes.

A artista por ela mesmo

Meu nome é Monique Moon, sou de Osasco, São Paulo. Sou estudante de Jogos Digitais na FATEC Carapicuíba, participei do jogo “Masmorra da Tortura” na CCXP 2017 como ilustradora, game designer e compositora. Atualmente estou trabalhando como freelancer, mas estou mais focada em meus projetos pessoais. Minhas inspirações vem em grande parte da minha vida como mulher trans e todas as coisas que passei até hoje, sejam elas ruins ou boas. É um processo bem catártico onde eu tento condensar tudo aquilo que sinto e colocar no papel e criar uma narrativa rica em um só quadro (por isso a riqueza de detalhes). Quanto mais detalhes, mais nuances para a história). Alguns dos meus desenhos são bem autobiográficos pra falar a verdade, já outros são a tentativa de imaginar existências completamente diferente de mim.
Grande parte dessa ideia de criar formas diferentes de vida e existência são uma tentativa de desconstruir essa ideia de que “monstros” são ruins e prejudicam os outros.

Minhas criaturas no geral são apenas seres que nossa mente humana não consegue compreender e esse desconhecido causa medo nas pessoas. Minhas referências artísticas são Audrey Kawasaki, James Jean e Stella Im Hultberg, Vania Zouravliov, Allen Williams, Christopher Lovell, Ozabu.
A técnica que eu mais uso é uma mistura de nanquim, nanquim aguado e grafite para retocar detalhes, realçar tons e fazer texturas. Eu amo texturas, elas enriquecem bastante o desenho. É uma técnica que eu desenvolvi meio que na loucura mas dá um resultado legal. A cada desenho vou aprendendo uma coisa nova, e isso é o que importa.


Monique Moon - Artista - Canto do Gargula

Monique Moon

Cidade: Osasco, São Paulo

Email: moon-light-dance@hotmail.com
Instagram: @monique.moon
Behance

Para ver mais trabalhos desta artista clique aqui.

Possível conteúdo adulto, indicado para maiores de 18 anos

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

2 comentários em “Artista: Monique Moon

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: