Le Chevalier: Nas Montanhas da Loucura, de A. Z. Cordenonsi

O quadrinho Le Chevalier: Nas Montanhas da Loucura entrou no meu radar assim que o vi no estande da AVEC Editora, no evento SP Fantástika de 2019. Escrito por A.Z. Cordenonsi e desenhado por Fred Rubim, temos, já no título desse segundo volume, ideia do destino dos personagens na história, o que obviamente se confirma. O que não temos noção é como será a execução disso durante a surpreendente leitura! 

Le Chevalier Nas Monstanhas da Loucura - A Z Cordenonsi - Fred Rubim - AVEC Editora - Canto do Gárgula
Le Chevalier Nas Monstanhas da Loucura – A Z Cordenonsi – Fred Rubim – AVEC Editora

Le Chevalier, o protagonista principal que empresta nome ao título, é um cavaleiro escolhido para ser o protetor do Império Francês, nação que comanda a Revolução Industrial. Sem qualquer identidade ou passado, é o principal espião da agência. Ele divide a cena com Persa, seu melhor amigo tunisiano e Irene Adler, que representa um misterioso conclave, além de também ser uma espiã. 

Juntos eles embarcam em uma aventura para impedir um novo inimigo que surge no cenário mundial (um mundo steampunk vitoriano) ameaçando todas as grandes nações com uma tecnologia inconcebível e mortífera. Partindo desse ponto, a aventura irá levá-los ao redor do globo, aos confins da Antártida atrás de seu objetivo. 

Le Chevalier Nas Monstanhas da Loucura - A Z Cordenonsi - Fred Rubim - AVEC Editora - Canto do Gárgula
Le Chevalier Nas Monstanhas da Loucura – A Z Cordenonsi – Fred Rubim – AVEC Editora

O enredo é rico em referências que passam por H.P. Lovecraft (Nas Montanhas da Loucura) e Arthur Conan Doyle (a personagem Irene Adler), passando por Herman Melville, Júlio Verne (A Esfinge dos Gelos) e Edgar Allan Poe (A Narrativa de Arthur Gordon Pym) entre outros. 

É inevitável não lembrarmos da Liga Extraordinária, de Allan Moore, durante a leitura. Mesmo assim Cordenonsi consegue dar alma única a sua trupe, elevando-os ao mesmo patamar do mestre eremita britânico. 

O argumento excelente é amplificado pela arte inconfundível e maravilhosa de Fred Rubim, a qual é para mim uma das melhores nacionais, e não vejo porque não considerar também internacionais. Quando li Matrimônio de Céu e Inferno já tinha me impressionado e com Le Chevalier: Nas Montanhas da Loucura essa opinião se consolida ainda mais. 

Confira algumas imagens da HQ, clicando nelas abaixo:

Não tenho pontos negativos a comentar ficando somente a dica para que vocês adquiram esse quadrinho maravilhoso.

Quero ler mais Le Chevalier, pois seu universo me ganhou tranquilamente. 

Agora adquira o seu!

Suas compras através de nossos links ajudam a manter o blog.
Basta clicar nas imagens abaixo e comprar na loja virtual!

Clique aqui para ver outros livros de A.Z. Cordenonsi

Clique aqui para ver outros livros de Fred Rubim

Quer comprar outros títulos da AVEC Editora?
Clique aqui para ver outros títulos dessa editora!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

4 comentários em “Le Chevalier: Nas Montanhas da Loucura, de A. Z. Cordenonsi

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: