Procissão, o cangaço sobrenatural

O quadrinho independente cresce sem parar

Além do título Procissão, o desenho me lembrou imediatamente um cangaço sobrenatural que temos visto tanto por aí. O cangaceiro na capa me chamou atenção enquanto dava uma volta pela Feira Pop & Arts 2020. Foi assim que encontrei Vinicius Velo vendendo sua criação no evento.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula
Procissão – Vinícius Velo – ProacSP

A publicação foi feita pelo ProacSP.

Cangaço e misticismo

Assim que perguntei a Vinicius Velo sobre a tônica de sua obra, ele começou assim: “Isso é uma história de cangaço e misticismo.”. Vocês não tem dúvida do quanto ele me ganhou ali. (risos)

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

Difícil separar essas duas palavras, ao menos para mim. O cangaço e o misticismo estão unidos pelas entranhas, coisa de eras tão antigas que se perdem em nosso imaginário. Suas lendas e crendices são tão reais que ganham vida e o tema me atrai muito.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

O cangaço é único no mundo – foi o que me disse o autor. Particularmente, concordo com ele. Diferente de tudo o que possa imaginar, ele tem inúmeras possibilidades. Uma das minhas favoritas é a faceta fantástica. Esse cenário é perfeito para levantarmos a cortina da realidade para adentrarmos em um sobrenatural terrível.

Procissão é a parte que te cabe

Passada em 1928, Procissão é uma história dura, sofrida e muito arraigada na vida cangaceira. Uma velha rixa entre famílias inunda o solo rachado de sol do presente. De tanto sangue, a terra se encharca e dali só nasce vingança.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

Não bastasse a brutalidade da caatinga e da vida sofrida do nordestino, temos ali elementos sobrenaturais dando ao enredo a pitada exata de horror. Poucos cenários harmonizam tão bem ao sobrenatural tétrico quanto o cangaço.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

Não existe ali nada além de sangue, suor e lágrimas. O sofrimento está no ar e velhas questões vão para além da vida. A morte deixa de ser a certeza de paz, deixando para a eternidade um caminho de danação.

A arte imita a realidade

Os desenhos de Velo são muito similares ao chão rachado do cangaço. Seu traço firme e expressivo nos permite entender que naqueles personagens residem muito mais do que apenas o enredo. Cada ruga e cicatriz pesam como histórias não contadas, deixando ao leitor um convite à imaginação. Sem dúvida, os desenhos faciais do autor são incríveis, capazes de contar uma história de arrepiar sem utilizar palavras.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

Seu enquadramento segue um modelo clássico que se presta muito à história. Um deleite para quem curte quadrinhos, sem dúvida alguma.

Conclusões finais

Vinicius Velo era um autor e artista que desconhecido para mim. Graças a eventos de quadrinhos como o Feira Pop & Arts 2020 conseguimos encontrar pessoas como ele e com isso poder ler peças fantásticas..

Procissão não pode parar ali. Precisa trazer mais de sua dura realidade junto aoseu incrível sobrenatural para contar mais e mais histórias.

Procissão - Vinícius Velo - ProacSP - Canto do Gárgula

O cangaço tem muito ainda a mostrar. Cabe a talentos como Vinicius Velo nos trazer alguma luz sobre aquela mística única, de chão rachado, sol à pino, vida e morte.

Que não demore muito a reaparecer!

Boa leitura!

Agora adquira o seu!

Suas compras através de nossos links ajudam a manter o blog.
Basta clicar nas imagens abaixo e comprar na loja virtual!

Quer comprar outros livros de Vinicius Velo?
Clique aqui para ver outros títulos dele!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: