Frankenstein: Entre o Céu e o Inferno, de Mike Mignola

Um tributo muito bem feito

Frankenstein: Entre o Céu e o Inferno, de Mike Mignola consegue fazer um maravilhoso tributo à Mary Shelley, adaptando sua criatura dentro do mundo do nosso querido Hellboy. O encadernado é uma publicação da Mythos Editora e a tradução fica ao encargo de Fernando Bertacchini. O roteiro é do próprio Mignola, enquanto a arte é de Ben Stenbeck.

Frankenstein Entre o Céu e o Inferno - Mike Mignola - Mythos Editora - Canto do Gárgula
Frankenstein Entre o Céu e o Inferno – Mike Mignola – Mythos Editora

Um personagem eterno e multidimensional

Tenho minhas dúvidas se Mary Shelley tenha sequer sonhado que sua criação fosse ganhar o imaginário mundial. Com certeza não planejava ou imaginava nada desse tipo. Pois Mike Mignola desce fundo em seu talento e traz o monstro de Shelley para seu próprio universo (conhecido também como Mignolaverso).

Frankenstein Entre o Céu e o Inferno - Mike Mignola - Mythos Editora - Canto do Gárgula

A homenagem não poderia ser mais bem executada. Mignola leva o Frankenstein por uma viagem incrível de busca pelo autoconhecimento, redenção e propósito. Somente um mestre para prestar a outro tal homenagem.

Engraçado que a primeira aparição de Frankenstein na história do Hellboy se dá de maneira fortuita. Em um escondido ringue em uma enorme casa no México surge uma criatura (uma clara alusão à criação do Dr. Frankenstein). Essa participação acontece no encadernado Hellboy – A Casa dos Mortos-vivos e outras histórias. Ao final descobrimos que a criatura é realmente a cria de Mary Shelley e essa história também aparece no volume Hellboy – No México, ambos imperdíveis.

Frankenstein Entre o Céu e o Inferno - Mike Mignola - Mythos Editora - Canto do Gárgula

É exatamente por essa história que Mignola percebe que deve dar a criação de Shelley um enredo próprio capaz de enaltecer a grande obra do Prometeu Moderno.

Se você pensar que estamos falando de Mignola e Shelley, juntos, com certeza, boa coisa deu. Essa mistura dá vida a esse quadrinho maravilhoso!

Uma aventura cheia de referências

Se já não bastasse o próprio Frankenstein, temos um encadernado recheado de referências maravilhosas e novos personagens para o público brasileiro como o odioso Marquês Adoet de Fabre, um colecionador de artefatos e criaturas sobrenaturais. Ele surge em na história B.P.R.P – The Universal Machine, ainda inédita no Brasil mas é o pivô de uma caçada à criatura. Nascido no século 15, Fabre alcançou a imortalidade através de meios arcanos.

Frankenstein Entre o Céu e o Inferno - Mike Mignola - Mythos Editora - Canto do Gárgula

De demônios à vampiros, passando até mesmo por dinossauros vivendo abaixo da superfície, Frankenstein atravessa inúmeros locais em busca de se entender em meio ao mundo louco onde vive. Uma reflexão maravilhosa em um enredo que só mesmo a mente de Mignola poderia nos presentear!

Em meio a tudo isso uma história que nos revela segredos da Hiperbórea e uma ligação com a entidade sétupla Ogdru Jahad, presente como pano de fundo do Mignolaverse. Obviamente não poderíamos deixar de ter a libertação de uma entidade monstruosa lovecraftiana que tempera ainda mais o arco.

Conclusões finais

O Mignolaverso é um mundo em franca expansão. Esse quadrinho é prova disso! Mais e mais enredos, personagens e descobertas vão sendo adicionadas nesse enorme quebra-cabeças e é impossível não ficar completamente viciado nas criações de Mike Mignola!

Frankenstein: Entre o Céu e o Inferno é uma história incrível que indico aos nossos leitores, não só como fã de Hellboy, mas como fã da criatura de Mary Shelley!

Pode seguir essa dica e vamos conversar sobre suas impressões!

Boa leitura! 

Agora adquira o seu!

Suas compras através de nossos links ajudam a manter o blog.
Basta clicar nas imagens abaixo e comprar na loja virtual!

Complete sua coleção do Hellboy hoje mesmo!
Clique aqui para ver outros volumes!

Quer comprar outros livros de Mike Mignola?
Clique aqui para ver outros títulos dele!

Quer comprar outros títulos da Mythos Editora?
Clique aqui para ver outros títulos dessa editora!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: