Insólita Vol.1 – A Pata do Macaco

O debutar de uma ideia incrível

Poder ler Insólita Volume 1 – A Pata do Macaco foi certamente incrível. Este é o primeiro dos títulos que trarão contos nacionais inspirados em alguma história clássica, onde um item assombrado esteja presente, reunidos em uma antologia. 

Insólita Volume 1 - A Pata do Macaco - Organizadores Julia do Passo Ramalho e Babi Lacerda - Luva Editora
Insólita Volume 1 – A Pata do Macaco – Organizadores Julia do Passo Ramalho e Babi Lacerda – Luva Editora

Organizado por Julia do Passo Ramalho e Babi Lacerda, esta obra se inspira no conto A Pata do Macaco, de W. W. Jacobs. O conto de Jacobs está no livro, traduzido por N.A. Rondán

Conhecendo Insólita, uma loja peculiar

Uma das coisas que já me fisgou, foi a idealização de Insólita: Museu e Antiquário. Um local abarrotado de coisas velhas e histórias esquecidas. O palco perfeito para o estranho e, por que não, insólito. Certamente vale o trocadilho!

O livro abre com um pequeno texto introdutório Bem vindo ao Insólita Museu e Antiquário, de Julia do Passo Ramalho. Seu conto já dá a tônica do que encontraremos pelo livro, então se preparem. Inegavelmente muito bom já na ambientação!

O conto original

A Pata do Macaco é o conto que mais vezes aparece em coletâneas fantásticas pelo mundo. Escrito por W. W. Jacobs em 1902, é uma história sinistra que surpreendentemente não perde sua aura terrível. 

W W Jacobs - Escritor
W W Jacobs – Escritor

O que a princípio seria o delírio supersticioso de um velho militar, se torna o desespero de um velho casal, amigos do militar. Por isso A Pata do Macaco está ali para você entender que escolhas são sempre renúncias. Assim vejo que a escolha foi perfeita para o debute da série.

Os contos dos escritores nacionais

Dezesseis contos fazem parte desta coletânea. Todos trazem novas visões e percepções sobre o encontro com o item. Dessa forma os que me chamaram mais atenção foram os seguintes. 

O último pedido, de Oscar Nestarez

Um conto bem montado, que traz um olhar completamente novo sobre o final do conto de Jacobs. Bem interessante ver como o autor idealizou cada sensação. Vale muito ler.

Vítima dos desejos, de Úrsula Antunes 

Magistralmente a escritora mescla fatos históricos com a ficção e como resultado cria a atmosfera propícia ao horror. Um conto excelente com o propósito de mostrar os desígnios do maldito item, que não poupa ninguém. 

360 graus, de Juliana Rabelo

O desejo humano é sem dúvida alguma um impulso muito forte e neste conto somos as testemunhas de um fardo que não tarda a atingir todos os membros de uma família. Excelente conto. 

Uma história de ouro, de Fernando Vugman

O autor atravessa partes de nossa história onde a mineração esteve presente de alguma forma. Através desta viagem no tempo a maldita Pata do Macaco segue deixando seu rastro de desgraça. Gostei bastante. 

Invencível, de Gabriela Leão 

O texto da autora é envolvente e gostoso de ler. Neste conto o protagonista sabe de todos os riscos e mesmo assim luta contra uma vontade surreal. Como um viciado lutando contra a droga que está ali, ao seu alcance, temos um embate igualmente terrível. Muito bom mesmo!

A Luva do Vitor, de Carlos F. H. Gomes 

Adorei não apenas o conto, assim como a brincadeira com o querido Vitto Graziano, editor da Editora Luva. O autor consegue nos levar pela desgraça de uma família, que poderia ser igual ao de tantas outras famílias, se não fosse a maldita Luva do Vitor

A última visita, de Paulo H. P. Lima

Muito interessante como o autor tratou os desejos e as motivações do protagonista. O desespero move as pessoas com uma força que na maioria das vezes desconhecemos. Pena ele estar segurando a Pata do Macaco, não é mesmo? 

A herança maldita, de Marina Stefano 

Certamente um conto que traz uma visão diferente. A autora nos apresenta as consequências dos pedidos feitos à Pata do Macaco. Original e macabro. Leitura obrigatória.

O emprego dos infortúnios, de Nicolás Irurzun

Os desesperos humanos se entrelaçam no poder descontrolado do item nefasto. A consequência são infortúnios de absurda coincidência. Um conto pequeno e muito bom. 

Família reunida, de Babi Lacerda 

Este na minha opinião é o conto mais sinistro do livro. A vida se torna uma simples peça nas promessas que a Pata do Macaco parece trazer. Mas qual a consequência de cada pedido? Impossível prever o final. Excelente e arrisco dizer ser uma das melhores histórias do livro. 

A um desejo de distância, de Mikka Capella

Curiosa a trama que o autor criou nos levando a conhecer uma faceta da história da peça maldita. O destino daqueles que a encontram está selado com a maldição que a cerca. Muito legal. 

Considerações finais

Em suma a ideia de criar um antiquário lotado de traquitanas místicas e amaldiçoadas foi uma excelente sacada. Temos aqui inúmeras versões e olhares sobre os destinos daqueles que ousaram desejar utilizando o item. Escolha as melhores histórias e vamos trocar uma ideia.

Insólita Volume 1 - A Pata do Macaco - Organizadores Julia do Passo Ramalho e Babi Lacerda - Luva Editora

A série terá novos itens estranhos advindo das mentes de grandes autores e que serão repensados por nossos talentosos escritores. Que tenhamos novos volumes logo.

Boa leitura!

Quer comprar outros títulos da Luva Editora?
Clique aqui para ver outros títulos dessa editora!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

Canto do Gárgula - Catarse
SEJA UM PATROCINADOR DO CANAL!

2 comentários em “Insólita Vol.1 – A Pata do Macaco

Adicione o seu

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: