Matéria Escura, de Blake Crouch

Um livro que me surpreendeu muito

Comecei a ler Matéria Escura, de Blake Crouch, sem esperar muito. Por isso não busquei sinopses e resenhas, optando somente pela leitura, o que foi muito bom no final. Uma ficção científica muito boa que deixo como indicação de leitura. Me surpreendeu bem positivamente e foi a leitura coletiva do nosso Leitura no Canto

Matéria Escura - Blake Crouch - Editora Intrínseca

Publicado no Brasil pela Editora Intrínseca, quem assina a tradução é Alexandre Raposo. Eu li a versão em ebook, por isso, não posso comentar sobre o livro físico. 

Brincando com teorias quânticas 

A história nos apresenta Jason Dessen, um professor de física, casado com Daniela e pai de Charlie, um jovem adolescente. A família toca sua vida pacata como a de milhões de famílias de Chicago. Certa noite, após Jason ter ido encontrar um amigo em uma celebração, sua vida vira do avesso. 

Ele sofre um sequestro, onde permanece desacordado, sem qualquer motivo aparente ou que se cogite um resgate. Quando acorda, num local completamente desconhecido, se depara com as pessoas que conhece sem que elas saibam nada sobre ele. Confuso e duvidando de sua própria sanidade, aos poucos ele descobre que a realidade que conhece pode ser apenas uma dentre muitas possíveis. 

O autor brinca com conceitos quânticos enquanto te leva por uma história recheada de suspense e cenas de ação. Entretanto, toda a reviravolta acontece fazendo com que Jason mergulhe em si mesmo, precisando descobrir quem realmente é. 

Considerações finais 

Em resumo, este é um livro que te prende do início ao fim. O tema da física quântica esbarra em alguns pontos comuns com o horror cósmico e é muito legal observar como a verdade cósmica é inegavelmente assustadora. 

Blake Crouch - Escritor
Blake Crouch – Escritor

O autor usa com maestria a pequenez humana diante da realidade que conhecemos, onde podemos contar apenas com nossos cinco sentidos. Este tópico me remeteu ao livro Relances Vertiginosos do Desconhecido – A desolação da ciência em H. P. Lovecraft, de Nathalia Sorgon Scotuzzi (leia nossa resenha aqui), que analisa exatamente esta questão, dentre outras. 

Uma história que inegavelmente entretém o leitor de uma maneira na qual ele não se perde. O autor consegue lidar com as explicações científicas de uma forma surpreendentemente interessante. 

O livro vai virar filme em breve e certamente podemos notar que foi escrito pensando na grande tela. Já leu ou ouviu falar desta história? Deixa aí nos comentários então.

Agora adquira o seu!

Suas compras através de nossos links ajudam a manter o blog.
Basta clicar nas imagens abaixo e comprar na loja virtual!

Quer comprar outros títulos da Editora Intrínseca?
Clique aqui para ver outros títulos dessa editora!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

Canto do Gárgula - Catarse
SEJA UM PATROCINADOR DO CANAL!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: