Não olhe para cima, um filme que precisa ser visto

Quando resolvemos nos calar? 

Vi no último final de semana o filme Não olhe para cima, do diretor Adam McKay. Com grande elenco e nomes de peso como Leonardo DiCaprio, Jennifer Lawrence e Meryl Streep, o longa trabalha inúmeras críticas sociais importantes. 

Nao Olhe Para Cima - Coluna Cine Canto
Pôster do filme

Sem passar qualquer spoiler, no enredo escrito por Adam McKay e David Sirota, cientistas Kate Dibiasky (Jennifer Lawrence) e Dr. Randall Mindy (Leonardo DiCaprio) descobriram um cometa em rota de colisão com a Terra. Eles tentam alertar o mundo, mas a maneira como atualmente a sociedade trata assuntos sérios põe em xeque um confronto eficaz. Usando de um humor inteligente ele entrega uma crítica precisa à nossa civilização. 

Você poderá assistir ele na Netflix, empresa responsável pela produção da obra. Seu lançamento se deu em 2021 em meio a avalanche de mentiras que vivemos de todos os lados. 

Mas o que tem a ver ciência e política? 

A resposta é simples: tudo. Não existe opção neste ponto e por isso acabamos em um estranho dilema. Os avanços científicos tão importantes para nosso desenvolvimento foram, são e serão sempre usados de maneira política. Exatamente por isso, muitas vezes eles são ridicularizados ou diminuídos, em outras talvez sejam superdimensionados e tudo vai depender do rumo que a questão será levada. 

Nao Olhe Para Cima - Coluna Cine Canto

Não existe altruísmo no geral, pelo menos não entre os políticos que acabam sendo uma importante parcela envolvida nas decisões que afetam as massas, e por isso a questão, que é importante, se esvazia. O filme neste ponto é genial e não elenca um lado. A crítica vale para todos e a reflexão deve ser feita (ainda que atualmente sirva para achincalhar com a ignorante extrema direita). 

Não me cabe explicar muito e o filme, apesar de não ser uma pérola, funciona muito bem como fagulha para uma reflexão profunda. A comédia sutil ou até mesmo explícita em vários momentos, coloca o espectador na situação de crítico, sem que ele perceba.

O entrelace da comédia e do terror

Você deve estar se perguntando por que um filme assim deveria estar sendo discutido em um blog que trata de terror. Entretanto, devemos perceber que a comédia e o terror tratam de maneiras similares a reflexão sobre um determinado tópico. Ao nos tirar do lugar comum, ambos os estilos nos obrigam a pensar. 

Conversando mais cedo com o querido amigo e crítico de cinema Carlos Primati, ele me lembrou pontos ainda mais contundentes dentro desta comparação. Segundo ele, tanto a comédia, como o terror são as manifestações artísticas que melhor captam o espírito do seu tempo e o fazem pelo exagero da caricatura (comédia) ou pela potencialização do medo coletivo (terror).

Ele ainda pontuou que a premissa básica do filme, onde um cometa vem em rota de colisão com a Terra, é uma espécie de catástrofe ou tragédia, o que o aproxima ainda mais da seara do terror. Some a isso a ignorância e a mesquinhez de quem nos governa e temos muitos elementos terríveis juntos.

Considerações finais 

Confesso que em vários momentos do filme me peguei embasbacado. Ri em outros e fiquei triste em perceber como ele espelha o que vivemos hoje. Em alguns momentos me imaginei vendo um terror cheio de clichês e ele falava sobre nossa realidade (se isso não soa à terror, não sei mais de nada). Foi magnífico usar meu tempo para isso. 

Nao Olhe Para Cima - Coluna Cine Canto
Os cientistas Kate Dibiasky (Jennifer Lawrence) e Dr. Randall Mindy (Leonardo DiCaprio)

Meu conselho é para que você assista Não olhe para cima. Depois, venha aqui e deixe a sua opinião. Somente através de uma boa conversa podemos fazer mais e quem sabe possamos olhar para cima mais confiantes!

Se você curtiu esta postagem, clique no botão curtir e deixe um comentário abaixo para que possamos trocar mais ideias!

Canto do Gárgula - Catarse
SEJA UM PATROCINADOR DO CANAL!

3 comentários em “Não olhe para cima, um filme que precisa ser visto

Adicione o seu

  1. Assisti o filme Não Olhe para Cima e adorei. Sua crítica está ótima. O tema é aterrorizante, um cometa vai se chocar com a terra e destruir a humanidade. No entanto fazia tempo que não ria tanto ao assistir um filme. No caso é rir para não chorar. pois o filme espelha exatamente o que vivemos hoje. Uma superficialidade incrível! Adorei a crítica do Gárgula e logo que tiver um tempo, vou assistir novamente. É uma comédia aterrorizante e muito inteligente! Na vida real, o cometa não está chegando, mas e a vida na terra, a humanidade para onde vai?

      1. Sim, com certeza. O filme mostra bem isto, em prol de fazer política, cuidar da aparência, etc, as questões que deviam ser cuidadas, estão sendo totalmente ignoradas, especialmente aqui, onde o Presidente é contra vacinas e a favor do desmatamento, além de ser o maior espalhador de fake news!!!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: